Área de concentração: Ensino de Ciências e Matemática

Com o intuito de desenvolver a pesquisa acadêmica nos campos do Ensino de Ciências da Natureza e Matemática, o Mestrado Acadêmico aqui exposto congrega suas investigações em duas linhas investigativas principais:

Ensino e Aprendizagem em Ciências e Matemática

A fim de investigar os diferentes elementos envolvidos no processo de ensino, aprendizagem das Ciências da Natureza (Física, Química e Biologia) e Matemática e suas interfaces, esta linha de pesquisa é composta por diversas abordagens teórico-metodológicas, congregando pesquisadores que investigam diferentes dimensões presentes neste processo, como as sociais, ambientais, culturais, históricas, educacionais, cognitivas, epistemológicas e políticas.

Articulando-se as citadas dimensões ao processo educacional, busca-se, portanto, aprofundamentos acadêmicos em questões como a Formação do Professor de Ciências Naturais e Matemática para os ensinos básico e superior (Saberes Docentes, Aprendizagem da Docência, Articulação Teoria e Prática, Parcerias entre Universidade e Escola), Desenvolvimento de Metodologias e Propostas de Ensino, bem como a investigação de Processos Cognitivos, Sociais, Políticos, Afetivos e Motivacionais envolvidos nos processos voltados à melhoria da aprendizagem em Ciências da Natureza e Matemática.

Inserida em um viés que remete à ampliação da visão científico-matemática sobre o mundo, a presente linha objetiva a pesquisa em ambientes de ensino presenciais e virtuais, formais e não-formais, sendo esses últimos inerentes à abordagem relativa dos meios de Divulgação Científica, tais como centros científicos, museus, zoológicos, entre outros. Desse modo, a linha de pesquisa em tela procura investigar a articulação entre o papel do professor e do aluno, com a elaboração de diferentes recursos pedagógicos adequados ao entorno histórico, social e cultural onde ambos se encontram, buscando, principalmente, a compreensão das mediações dos sujeitos envolvidos nesse contexto educacional.

Transversalidade no Ensino de Ciências e Matemática

Esta linha de pesquisa tem como objetivo a investigação no tocante à ampliação de conhecimentos inerentes ao mundo contemporâneo, de forma que não fiquem restritos apenas às áreas tradicionais das Ciências da Natureza (Física, Química e Biologia) e Matemática, buscando, assim, uma maneira de compreender como enfrentar os problemas complexos que surgem no contexto educacional nas suas mais diversas dimensões.

Em um viés mais amplo, os pesquisadores envolvidos nesta linha trabalham com eixos articuladores e transversais no processo educativo, incluindo o estudo de novos temas dentro das realidades local, regional e global do Ensino de Ciências da Natureza e Matemática, em vertentes multi, trans e interdisciplinares, que podem se projetar para qualquer área do conhecimento humano.

Para tanto, são realizadas investigações sobre a produção das Ciências/ Matemática e suas relações com o processo de ensino-aprendizagem em suas dimensões socioambientais, filosóficas, históricas, culturais, políticas e artísticas. Assim, possibilita-se a produção de conhecimento voltados especificamente ao contexto educacional nos campos da História, Epistemologia e Filosofia das Ciências e Matemática, História da Educação em Ciências e da Educação Matemática, Ciências Ambientais, Sexualidade, Ética e Políticas Públicas.

Grupos de Pesquisa

Diálogo e Linguagem em formação de professores em ensino de ciências e matemática

Grupo de estudo e pesquisa em ensino de ciências e matemática que discute a formação de professores com estudos que envolvem a Teoria Histórico-Cultural e outras teorias afins. Coordenação em Ensino de Ciências da Profa. Dra. Maria Nizete de Azevedo e de Educação Matemática da Profa. Dra. Patricia Linardi

GEPECIM

O GEPECIM busca realizar estudos e pesquisas na área de ensino de ciências e matemática, produzindo novos materiais didáticos e conhecimentos teóricos na área de ensino-aprendizagem e formação docente. Em uma constituição heterogênea, com estudantes e pesquisadores de vários níveis e instituições, pretende-se trazer desenvolvimento teórico-metodológico para a área, contribuindo para um processo educacional mais sólido e profundo. Coordenação: Prof. Dr. Leonardo André Testoni

Grupo de Ensino de Ciências e Química Aplicada

O grupo aborda estudos em ensino, pesquisa e extensão na área de Ensino de Ciências e em Química Aplicada. O objetivo é investigar temas relacionados ao ensino de Ciências como alfabetização científica, processos de ensino aprendizagem, recursos didáticos e ensino de tecnologias. Ainda, atuar na pesquisa e desenvolvimento na área de Luminescência e Físico-Química de Superfícies. Coordenação: Prof. Dra. Lucineia Ferreira Ceridório

Grupo de Estudos de Educação em Fisiologia (GEduFis)

dgp.cnpq.br/dgp/espelhogrupo/4915869459408635
As pesquisas se concentram no estudo do uso de ferramentas tecnológicas, tais como os laboratórios de aprendizagem móvel, no ensino de anatomia e fisiologia a fim de compreender como a experimentação facilitada por smartphones pode otimizar a ensino de biologia sob a perspectiva da neurociência da aprendizagem. Coordenação: Prof. Dr. Camilo de Lellis-Santos

Grupo de História, Teoria e Ensino de Ciências - GHTC

Este grupo desenvolve atividades de pesquisa, ensino e extensão em história da ciência (especialmente história da física, das ciências biológicas e da astronomia), fundamentos das ciências, filosofia e metodologia científica. Além disso, orientando-se pela metodologia de pesquisa em Ensino de Ciências, desenvolve aplicações diversificadas de tópicos da História da Ciência na educação básica e ensino superior com ênfase na formação de professores. Coordenação: Prof. Dr. Roberto de Andrade Martins

Grupo de Pesquisa em História da Educação em Ciências

Desenvolve trabalhos sobre o ensino das ciências da natureza no Brasil em uma perspectiva histórica abordando, tanto aspectos intrínsecos à vida escolar, quanto os nexos com os contextos socioculturais do processo educativo. Coordenação: Prof. Dr. Reginaldo Alberto Meloni e Prof. Dr. Renato Barboza

Grupo Multidisciplinar de estudos e pesquisas em conceituação científica

O grupo de pesquisa tem o propósito de (re)discutir conceitos científicos com professores em formação (inicial ou continuada) por intermédio de abordagens que contemplem aspectos sociológicos inerentes aos diferentes contextos educacionais. Pretendemos também contribuir com a pesquisa quantitativa no ensino de ciências. Coordenação: Carlos Roberto Senise Junior.

Movimentos Docentes

Perspectivas para o Ensino do Conhecimento Biológico

Grupo que se dedica a pesquisas sobre o ensino de Biologia, às percepções dos estudantes quanto a temas da área biológica e sua aprendizagem, bem como sua relação enquanto possibilidade de interação entre a universidade e a escola. Para os estudos da interações universidade escola, as pesquisas são em parceria com o programa de extensão Cientista por um dia. Coordenação: Profa. Dra. Ana Maria Santos Gouw e Prof. Dr. Renato Barboza

Projeto Zero

A partir da entrada de novos pesquisadores em 2014, o Projeto Zero passa a se constituir como um Programa de Pesquisa e de Extensão, que assume o desafio de disponibilizar pesquisa, com ciência e tecnologia de ponta, às camadas mais vulneráveis da população, visando o seu empoderamento pelo conhecimento. Neste sentido, a busca pela excelência na vulnerabilidade, ou apesar dela, torna-se um eixo estruturante. Abordagens CTSA (Ciência, Tecnologia, Sociedade e Ambiente) ou HFC (História e Filosofia da Ciência), de cunho sócio-histórico, que considerem a práxis como ferramenta destacada para produção do conhecimento, que busquem a superação da dicotomia entre educação e ciência, que pensem a formação inicial e continuada como um continuo e que reflitam sobre as interfaces multi-inter-trans-disciplinares da práxis pedagógica, da formação de professores e das políticas públicas em educação, vêm ao encontro das propostas deste Programa. Coordenação: Prof. Dr. Flamínio de Oliveira Rangel

Grupo de Pesquisa em Ensino de Ciências e Educação a Distância

Projetos de Pesquisa

2020

2020-Atual. A percepcao dos jovens em relacao a ciencia e temas cientificos

Descrição: Projeto temático que tem como objetivo conhecer as percepções que os jovens tem das ciências e de sua aprendizagem ao longo da educação básica. Tal levantamento poderá trazer subsidios para questões relativas ao ensino de Ciências e ao curriculo praticado nas escolas. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (2) . Integrantes: Ana Maria Santos Gouw - Coordenador / Paloma Marques dos Santos - Integrante / José Romário Ferreira Tavares - Integrante / Camila Beatriz Moraes Contrucci de Souza - Integrante / Anderson Ricardo Junior da Rocha Silva - Integrante / Fellipe Steinmeyer - Integrante / Rafaela Lopes Rodrigues - Integrante. Número de orientações: 2
Membro: Ana Maria Santos Gouw.

2020-Atual. Desigualdades e vulnerabilidades na epidemia de COVID-19: monitoramento, analise e recomendacoes

Descrição: Projeto que procura mapear e analisar o impacto da epidemia da Covid-19 e da quarentena nas questões relativas às restrições de locomoção, renda, fechamento das escolas e outros na populações de maior vulnerabilidade social. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Integrantes: Ana Maria Santos Gouw - Integrante / Rosangela Calado da Costa - Integrante / Lumena Almeida Castro Furtado - Coordenador / Claudia Fegadolli - Integrante / Cristiane Gonçalves da Silva - Integrante / Eunice Nakamura - Integrante / Raul Bonne Hernandez - Integrante / Luciana Aparecida Farias - Integrante / Luciana Rosa de Souza - Integrante / Fernanda Emy Matsuda - Integrante / Flávio Tayra - Integrante / André Roncaglia de Carvalho - Integrante / Solange Ledi Gonçalves - Integrante / Ana Lucia Pereira - Integrante / André Luiz Bigal - Integrante / Arthur Chioro - Integrante / Beatriz da Costa Thome - Integrante / Carla Gianna Luppi - Integrante / Daniel Almeida Gonçalves - Integrante / Elke Stedefeldt - Integrante / Larissa Maria Bragagnolo - Integrante / Julliana Luiz Rodrigues - Integrante / Luciana Yuki Tomita - Integrante / Mariana Arantes Nasser - Integrante / Regina Yoshie Matsue - Integrante / Roberta de Almeida Soares - Integrante / Anderson Kazuo Nakano - Integrante / Tiaraju Pablo D?Andrea - Integrante / Edson Luís de Almeida Teles - Integrante / Marília Oliveira Calazans - Integrante. Financiador(es): Fundação Tide Azevedo Setubal - Auxílio financeiro.
Membro: Ana Maria Santos Gouw.

2020-Atual. Etnobotanica Participativa: conservacao e desenvolvimento local no Parque Estadual Serra do Mar. Nucleo Picinguaba, Ubatuba, SP, Brasil. Fase 2.

Descrição: A presente proposta se enquadra no Tema Prioritário do presente edital: 10. Outras pesquisas que auxiliem a efetividade da gestão de Unidades de Conservação, em consonância com as Metas de Aichi. Entre 2015-2018 foram realizados por esta equipe levantamentos etnobotânicos participativos nos Quilombos da Fazenda e Cambury, que ocupam uma área do Parque Estadual Serra do Mar (PESM), Núcleo Picinguaba, Ubatuba, S.P., Brasil. Como continuidade daquele projeto e atendendo às demandas locais, tanto dessas comunidades, quanto da gestão do PESM, a presente proposta visa contribuir para a promoção do desenvolvimento local a partir do uso sustentável de plantas da Mata Atlântica, com a participação ativa destas comunidades locais, a partir de dois objetivos específicos: 1) Gerar um documento com Recomendações de Boas práticas de manejo para o extrativismo sustentável da taboa, e 2) Viabilizar a confecção de fitocosméticos utilizando plantas da Mata Atlântica e considerando a sua sustentabilidade. Uma equipe composta por 17 membros (pesquisadores e alunos de universidades, gestores de Unidades de Conservação [UCs] e moradores dos quilombos) e utilizando métodos de suas respectivas expertises: fitossociologia, química, engenharia florestal e ambiental, biologia da conservação, etnobotânica e mídias, promoverão o desenvolvimento de atividades elencadas nesta proposta. Espera-se desta proposta que: 1) o documento contendo o plano de manejo da taboa viabilize a extração e comércio dessa planta dentro da legalidade, e considerando ainda a criação de um selo verde; 2) que novos fitocosméticos possam figurar entre produtos da Mata Atlântica a serem comercializados a médio prazo e 3) que os livretos, folders, aulas e vídeos, desenvolvidos por nós repliquem esta experiência junto a outras comunidades e UCs.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (2) . Integrantes: André Amaral Goncalves Bianco - Integrante / Eliana Rodrigues - Coordenador / Sônia Aragaki - Integrante / Tamara Ticktin - Integrante / Thamara Sauini - Integrante / Ginacil dos Santos - Integrante / Joyce Silva - Integrante / Ingrid Santos - Integrante / Sandra Pavan - Integrante / Queli Lucio Lartelli - Integrante / Érika Brunelli - Integrante / Anderson Ueno - Integrante / Fábio de Santis Campos - Integrante / Verônica Pineiro Bouzas do Espirito Santo - Integrante / Vania Leite - Integrante / Adriana Karla Amorim - Integrante. Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
Membro: Andre Amaral Goncalves Bianco.

2020-Atual. GEPECIM - Grupos de Estudos e Pesquisas em Ensino de Ciencias e Matematica

Descrição: Grupo de Pesquisa multidisciplinar e multi-instituições com objetivo de promover estudos e investigações teórico-metodológicas na área de ensino de Ciências e Matemática.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (3) . Integrantes: Leonardo André Testoni - Coordenador / Paulo Henrique Souza - Integrante / Iago Tahan Lavorato - Integrante / Hélio Viana - Integrante / Danilo Macedo - Integrante / Marcelo Machado Nogueira - Integrante / Patrícia Arruda Martins - Integrante / Solange Locatelli - Integrante / Marco Antonio Lira - Integrante / Claudinei Jacobucci - Integrante / Arthur Biasotto Gomes - Integrante / Eneias de Almeida Prado - Integrante. Número de produções C, T A: 2
Membro: Leonardo Andre Testoni.

2019

2019-Atual. A Educacao Algebrica na escolaridade basica

Descrição: A proposta deste projeto de pesquisa versa sobre as possibilidades de investigações em torno do tema ?Educação Algébrica na escolaridade básica?. A Educação Algébrica é um importante ramo do ensino de Matemática que ainda necessita de maiores pesquisas, visto os resultados das principais avaliações nacionais. Na parte metodológica, o projeto visa situar o estado da arte (elaborar o levantamento e sínteses de pesquisas sobre este tópico), na investigação documental sobre o material de apoio ao trabalho dos professores (guias curriculares, manuais escolares e paradidáticos, provas de avaliação em nível municipal, estadual e nacional), nas possibilidades do recurso a História da Matemática, em entrevistas com professores em formação inicial (licenciandos dos cursos de Ciências) e professores em serviço possuem (avaliação diagnóstica) e em intervenções diagnósticas que revelem o que professores ou licenciandos possam vir a ter (por meio de cursos, oficinas, vivenciais e situações didáticas em formação continuada) no entorno da interação professor-aluno-saber em sala de aula.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (4) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . Integrantes: Wagner Marcelo Pommer - Coordenador / Clarice Peres Carvalho Retroz Pommer - Integrante.
Membro: Wagner Marcelo Pommer.

2019-Atual. BARBARELLA - Banca de Atividades Recreativas Baseadas em Ativismo com Recursos Educativos Ludicos, Literarios e Artisticos

Descrição: ?BARBARELLA? é um projeto de investigação de ações de difusão da ciência focado no público escolar da primeira infância à adolescência, vinculado ao projeto de extensão ?Banca da Ciência?. Tem como característica a abordagem lúdica de temas científicos em conexão com questões sociais e manifestações artístico-culturais por meio de intervenções não-formais contínuas (clubes de ciências, projetos escolares, feiras científicas, clubes literários, etc) em ambiente escolar e/ou entidades assistenciais bem como mediante ações pontuais de exposições, workshops, dinâmicas e atividades em espaços públicos diversos como escolas, centro culturais, parques, estações, praças, planetários, etc. As ações são mediadas por equipes de alunas/os de graduação, com supervisão e planejamento conjunto com estudantes de pós-graduação e ? no caso de intervenções contínuas ? de educadoras/es das entidades envolvidas. A proposta atual se dá em continuidade ao projeto anterior da Chamada Universal MCTI / CNPq Nº 14/2014, intitulado ?BRIINCA - Banca Recreativa de Interações e Investigações Infantis em Natureza, Cultura e Artes - Intervenções Não-Formais de Comunicação Científica para o Público Escolar?, processo 448248/2014-0, desenvolvido entre dezembro de 2014 e dezembro de 2017. A proposta atual prevê a ampliação das ações contínuas de 4 para 20 (vinte) escolas e instituições distribuídas em quatro núcleos: Boituva, Diadema, Guarulhos e São Paulo. A pesquisa tem como objetivos principais a investigação sobre o processo de formulação das intervenções lúdico-didáticas e sua repercussão no engajamento das crianças e adolescentes frente a temas sociocientíficos, além de produzir conhecimento sobre suas repercussões no ambiente escolar e na formação e aperfeiçoamento profissional dos educadoras/es e das/os estudantes de graduação. Como desdobramento, propõe a avaliação e a caracterização das interações universidade-escola e universidade-comunidade, em relação a contribuições no aperfeiçoamento da educação pública por meio de ações de educação não-formal e divulgação científica. As ações envolvem manifestações artísticoculturais como filmes, livros, quadrinhos, jogos, música, encenações, experimentos e montagens simples, entre outros. O projeto é uma proposta conjunta de pesquisadores da Universidade de São Paulo e da Universidade Federal de São Paulo, Instituto Federal de São Paulo com colaboradoras/es da Universidade de Ottawa, no Canadá, de outras unidades da Universidade de São Paulo, além de universidades públicas situadas em diversos estados brasileiros. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (94) / Mestrado acadêmico: (22) / Doutorado: (6) . Integrantes: Rui Manoel de Bastos Vieira - Integrante / Emerson Izidoro dos Santos - Integrante / Luís Paulo de Carvalho Piassi - Coordenador / Emerson Ferreira Gomes - Integrante / Francisco de Assis Nascimento Júnior - Integrante / João Eduardo Fernandes Ramos - Integrante / Adriana Regina Braga - Integrante / Viviane Briccia do Nascimento - Integrante / Rafael Kobata Kimura - Integrante / Silvana Zajac - Integrante / Giuliano Pagy Felipe dos Reis - Integrante / André Machado Rodrigues - Integrante / Fabio Nakano - Integrante / Alessandra Fernandes Bizerra - Integrante / Elysandra Figueredo Cypriano - Integrante / Paulo Ernesto Diaz Rocha - Integrante / Débora Rodrigues Moura - Integrante / Delano Moody Simões da Silva - Integrante / Érica Aparecida Garrutti de Lourenço - Integrante / Guilherme da Silva Lima - Integrante / Richard Mclure - Integrante. Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
Membro: Rui Manoel de Bastos Vieira.

2019-Atual. Ciencia na Escola do Futuro - CNPq

Descrição: Trata-se de um projeto de pesquisa que visa tornar o ensino de ciências na educação básica mais significativo para os estudantes, por meio da promoção de atividades investigativas em base colaborativa. No primeiro ano as atividades serão desenvolvidas em uma escola da Grande São Paulo e no segundo ano escolas de todo país poderão participar.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Doutorado: (1) . Integrantes: Nelio Marco Vincenzo Bizzo - Coordenador / Lúcia Maria Santiago - Integrante / GARCIA, PAULO SERGIO - Integrante / Daniela Cristina Matos Borges - Integrante / Rosana Dias Pereira Della Coletta - Integrante / Alessandra Siqueira - Integrante / Shirley Cristina de Bernardo Siste - Integrante / Carlos Augusto dos Reis Morais - Integrante / Cristina Boker Marques - Integrante. Financiador(es): (CNPq) Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.Número de orientações: 1
Membro: Nelio Marco Vincenzo Bizzo.

2019-Atual. FORMACAO PROFISSIONAL DE PROFESSORES E GESTAO DEMOCRATICA: UMA PARCERIA UNIVERSIDADE ESCOLA PARA A MELHORIA DO ENSINO

Descrição: Projeto circunscrito à linha do ?Programa de Melhoria do Ensino Público? da FAPESP. Seus propósitos articulam investigações que privilegiam o estabelecimento de uma parceria colaborativa universidade e escola, cujas ações estão organizadas na perspectiva de uma pesquisa-ação crítica e colaborativa para fins de melhoria do ensino. Reúne pesquisadores de duas universidades, a UNIFESP (curso Ciências Licenciatura, campus Diadema) e USP (Licenciatura em Física, Biologia e Matemática, campus São Paulo). A escola parceira é da rede estadual de ensino e situa-se em Diadema, nas imediações do campus da UNIFESP. As investigações propostas foram estruturadas em cinco eixos: 1. Sobre a formação continuada e desenvolvimento profissional docente mediante o movimento crítico reflexivo imanente à pesquisa-ação; 2. Formação inicial de professores por meio do estágio curricular supervisionado realizado na escola parceira; 3. Organização do ensino de ciências e de matemática; 4. Atuação da equipe gestora na construção da gestão democrática e participativa, além de se configurar como elo mediador entre a universidade e a parceria colaborativa (pesquisa-ação) em construção na escola; 5. Empreender esforços para o estabelecimento de parceria entre a Universidade de São Paulo e uma escola da rede pública (situada preferencialmente nas imediações do Campus). Entre os resultados esperados, destacamos contribuições nas diferentes esferas: teórico e metodológico no que diz respeito à compreensão do processo de pesquisa-ação; desenvolvimento profissional dos professores participantes; melhoria do ensino; caráter organizacional e de gestão da escola; melhoria do desenvolvimento dos estágios e reformulações dos Cursos de Licenciatura.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (1) . Integrantes: Maria Nizete de Azevedo - Integrante / Leonardo André Testoni - Integrante / Flamínio Oliveira Rangel - Integrante / Patricia Rosana Linardi - Integrante / Reginaldo Alberto Meloni - Integrante / Beatriz A. C. Castro - Integrante / ABIB, MARIA LÚCIA VITAL DOS SANTOS - Coordenador / Maira Batistoni e Silva - Integrante / Manuel Dantas - Integrante / SERGIO STOCO - Integrante / DENILSON CORDEIRO - Integrante / Sandra Germani - Integrante / SANDRO NOVAES - Integrante. Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de SP - Auxílio financeiro.
Membro: Maria Nizete de Azevedo.

2019-Atual. Formacao Profissional de Professores e Gestao Democratica: uma parceria universidade/escola para a melhoria do ensino publico.

Descrição: O projeto situa-se no campo da pesquisa sobre formação inicial e continuada de professores, mais precisamente na interface universidade/escola, em que ambas as instituições se inter-relacionam em busca da melhoria da qualidade do ensino público e, por conseguinte, da aprendizagem dos sujeitos envolvidos.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (2) . Integrantes: Sergio Stoco - Coordenador / Maria Lucia Vital dos Santos Abib - Integrante. Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
Membro: Sergio Stoco.
Descrição: Projeto circunscrito à linha do ?Programa de Melhoria do Ensino Público? da FAPESP. Seus propósitos articulam investigações que privilegiam o estabelecimento de uma parceria colaborativa universidade e escola, cujas ações estão organizadas na perspectiva de uma pesquisa-ação crítica e colaborativa para fins de melhoria do ensino. Reúne pesquisadores de duas universidades, a UNIFESP (curso Ciências Licenciatura, campus Diadema) e USP (Licenciatura em Física, Biologia e Matemática, campus São Paulo). A escola parceira é da rede estadual de ensino e situa-se em Diadema, nas imediações do campus da UNIFESP. As investigações propostas foram estruturadas em cinco eixos: 1. Sobre a formação continuada e desenvolvimento profissional docente mediante o movimento crítico reflexivo imanente à pesquisa-ação; 2. Formação inicial de professores por meio do estágio curricular supervisionado realizado na escola parceira; 3. Organização do ensino de ciências e de matemática; 4. Atuação da equipe gestora na construção da gestão democrática e participativa, além de se configurar como elo mediador entre a universidade e a parceria colaborativa (pesquisa-ação) em construção na escola; 5. Empreender esforços para o estabelecimento de parceria entre a Universidade de São Paulo e uma escola da rede pública (situada preferencialmente nas imediações do Campus). Entre os resultados esperados, destacamos contribuições nas diferentes esferas: teórico e metodológico no que diz respeito à compreensão do processo de pesquisa-ação; desenvolvimento profissional dos professores participantes; melhoria do ensino; caráter organizacional e de gestão da escola; melhoria do desenvolvimento dos estágios e reformulações dos Cursos de Licenciatura.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (18) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (2) . Integrantes: Patricia Rosana Linardi - Integrante / Denilson Soares Cordeiro - Integrante / Flaminio de Oliveira Rangel - Integrante / Leonardo André Testoni - Integrante / Maria Nizete de Azevedo - Integrante / Reginaldo Alberto Meloni - Integrante / Sergio Stoco - Integrante / Maria Lúcia Vital dos Santos Abib - Coordenador / Maíra Batistoni e Silva - Integrante / Raquel Milani - Integrante / Angélica Nunes da Rocha - Integrante / Beatriz Aparecida Caprioglio de Castro - Integrante / Ivana Marta da Silva - Integrante / Maria Aparecida da Silveira - Integrante / Valéria Dias - Integrante. Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
Membro: Patricia Rosana Linardi.

2019-Atual. Fotografia Cientifica: Analise e Recomendacoes para a Revista Brasileira de Ensino de Bioquimica

Descrição: Nesse projeto são propostas ações para o desenvolvimento de diretrizes à orientação e valorização da produção imagética para trabalhos submetidos à Revista de Ensino de Bioquímica. Essas orientações serão divulgadas e trabalhadas com os autores desses trabalhos e servirão para constituir as normas para submissão de fotografias da Revista. Espera-se que os resultados dessa pesquisa possam colaborar para a discussão ampla do assunto, com editores de outras revistas científicas, contribuindo para o aprimoramento do cenário da fotografia científica brasileira.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (1) . Integrantes: André Amaral Goncalves Bianco - Coordenador / Jaiany Regina Francisca da Silva - Integrante.
Membro: Andre Amaral Goncalves Bianco.

2019-Atual. Grupo de Ensino de Ciencias e Quimica Aplicada

Descrição: O grupo aborda estudos em ensino, pesquisa e extensão na área de Ensino de Ciências e em Química Aplicada. O objetivo é investigar temas relacionados ao ensino de Ciências como alfabetização científica, processos de ensino aprendizagem, recursos didáticos e ensino de tecnologias. Ainda, atuar na pesquisa e desenvolvimento na área de Luminescência e Físico-Química de Superfícies. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (7) / Mestrado acadêmico: (5) . Integrantes: Lucinéia Ferreira Ceridório - Integrante / Ana Valéria Santos de Lourenço - Coordenador.
Membro: Lucineia Ferreira Ceridorio.

2019-Atual. Infografia para o ensino da Bioquimica: o desenvolvimento de estrategias para a producao e o uso por estudantes do Ensino Fundamental II

Descrição: A utilização de imagens auxilia a compreensão de conteúdos abstratos e complexos no processo de ensino-aprendizagem da Bioquímica. Embora o desenvolvimento tecnológico tenha contribuído para a modernização dos recursos visuais utilizados em sala de aula, alguns deles ainda não são plenamente explorados. Um exemplo são os infográficos. Os infográficos são representações visuais que unem imagens a textos enxutos, com linguagem compreensível e que objetivam tornar claro algum fato ou fenômeno. Essa ferramenta, juntamente com estudos sobre cognição, como a Teoria do Processamento de Informações, pode contribuir para o aprendizado da Bioquímica de estudantes do Ensino Fundamental II da rede pública de ensino brasileira. Propomos esse projeto com o objetivo investigar o processo de ensino-aprendizagem da Bioquímica nas séries finais do Ensino Fundamental II através da aplicação de um workshop que visará a construção de infográficos com conteúdos voltados para a Bioquímica, apresentações orais e questionários que serão analisados por análise de conteúdo. Com isso, esperamos que os alunos desenvolvam ganhos de aprendizagem significativa em Bioquímica e que o aprendizado a partir da leitura e produção de infográficos sirva para o desenvolvimento escolar e social dos estudantes.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) . Integrantes: André Amaral Goncalves Bianco - Coordenador / Thamara Cristina da Silveira - Integrante.
Membro: Andre Amaral Goncalves Bianco.

2019-Atual. O ensino de ciencias a partir de uma perspectiva CTSA

Descrição: As ciências, mas especificamente a química, estão presentes em diversas atividades econômicas do cotidiano. Assim, este projeto objetiva ensinar conceitos científicos a partir das atividades pertinentes a uma dada comunidade.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) . Integrantes: Hélio Elael Bonini Viana - Coordenador / ROMULO PINHEIRO SOUZA - Integrante / JULIANO ARAUJO COSTA DE OLIVEIRA - Integrante.
Membro: Helio Elael Bonini Viana.

2019-Atual. O uso de video-experimentacao no ensino de quimica analitica

Descrição: A Química, por ser uma ciência abstrata, desperta dificuldades nos estudantes em visualizar os fenômenos, transpondo-os do sistema macro para o micro. Assim, o ensino de química apresenta limitações que podem estar relacionadas às dificuldades na elaboração e compreensão de modelos científicos e o surgimento de concepções alternativas. Esse ensino encontra diversas barreiras para se difundir no meio educacional, seja por falta de instrumentos para o ensino, por falta de laboratório ou pelo fato dos alunos considerarem esse tipo de ensino extremamente difícil, com um pré-conceito formado, acreditando que não possuem capacidade para aprender. Desse modo, uma alternativa para transpor a falta de laboratório no ensino de química propomos o uso do vídeo- experimentação. Em especial escolhemos a área de Química Analítica, para a produção de vídeos de titulação de complexação e precipitação.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (1) . Integrantes: Helga Gabriela Aleme - Coordenador / André Amaral Gonçalves Bianco - Integrante / Mariele Leão Alves - Integrante.
Membro: Helga Gabriela Aleme.

2019-Atual. Observatorio Educacao e Sustentabilidade - UNIFESP/Diadema

Descrição: Atua como um instrumento sistemático da UNIFESP na coleta, pesquisa, organização, tratamento e difusão de temas pertinentes à Educação e Sustentabilidade no município de Diadema/SP.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Mestrado acadêmico: (1) . Integrantes: Marilena Aparecida de Souza Rosalen - Coordenador / Everton Viesba - Integrante / José Guilherme Franchi - Integrante / Leticia Moreira Viesba - Integrante. Financiador(es): Universidade Federal de São Paulo - Bolsa.
Membro: Marilena Aparecida de Souza Rosalen.

2019-Atual. Politica educacional na rede estadual paulista (1995 a 2018).

Descrição: Este projeto de pesquisa foi elaborado por pesquisadores da Rede Escola Pública e universidade que, desde 2016, vêm estudando as políticas educacionais na rede estadual paulista. A temática que o circunscreve é a análise longitudinal da política educacional paulista, de forma a abranger os últimos 23 anos (1995-2018), em termos de formulação, implementação e resultados, expressas nas reformas, programas e projetos, considerando um espectro que engloba da implantação às formas de resistência. Assim, o objetivo da pesquisa é analisar a política educacional do estado de São Paulo no período indicado, com base nos elementos que perpassam o conjunto de ações da Secretaria de Estado da Educação paulista, visando apreender suas orientações, avanços e formas de resistências. Consideramos que a apreensão das políticas públicas e da forma como elas são concebidas, formuladas e executadas exige um entendimento sobre o modo de operar do Estado, à medida que a concepção de Estado orienta a análise dos formatos da ação estatal e o seu nível de intervenção na sociedade. Os procedimentos metodológicos envolvem a realização de pesquisa quali-quantitativa, posto que visam abarcar análises estatística e documental e pesquisa de campo. Os dados serão coletados e examinados com base nos pressupostos da análise de políticas públicas que consideram as relações de determinada política ou programa com os arranjos sociais, econômicos e políticos mais gerais (LASSWELL, 1951), adotando-se a perspectiva da Teoria do Equilíbrio Pontuado de Baumgartner e Jones (1993), que propicia uma forte integração entre estudos qualitativos e quantitativos, adequada à compreensão das variações de longo prazo em um mesmo campo de políticas públicas, enfoque metodológico.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (15) / Mestrado acadêmico: (5) / Doutorado: (3) . Integrantes: Sergio Stoco - Coordenador / Márcia Aparecida Jacomini - Integrante. Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
Membro: Sergio Stoco.

2019-Atual. projeto ROSE-S

Descrição: ROSES é uma continuação de ?A Relevância da Educação Científica (ROSE). O ROSE foi realizado em cooperação com cerca de 50 países em todos os continentes. Trabalhos de doutorado, livros, capítulos de livros, teses de mestrado, trabalhos em conferências e diversos artigos de pesquisa foram escritos com base em evidências empíricas. O projeto ROSES envolve cerca de 50 países em todos os continentes. Um novo instrumento para coleta de dados foi estabelecido e um manual técnico foi administrado. O projeto tem um Conselho Científico, do qual faço parte.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) . Integrantes: Nelio Marco Vincenzo Bizzo - Integrante / Fernanda Franzolin - Integrante / Luiz Caldeira Brandt Tolentino Neto - Integrante / Giuseppe Pellegrini - Integrante / Magnus Oskarsson - Integrante / Anna-Karin Westman - Integrante / Anders Jidesjö - Coordenador.
Membro: Nelio Marco Vincenzo Bizzo.

2019-Atual. Quimica dos saloes de beleza

Descrição: Este projeto objetiva ensinar conceitos químicos a partir dos procedimentos realizados nos salões de beleza, ou até mesmo aqueles realizados em âmbito doméstico.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (1) . Integrantes: Hélio Elael Bonini Viana - Coordenador / WILLIAN HERMOSO - Integrante / Augusto Máximo Baratti - Integrante.
Membro: Helio Elael Bonini Viana.

2018

2018-Atual. Caracterizacao das praticas pedagogicas de Ciencias, Matematicas e Lingua Portuguesa em Educacao Ambiental no Ensino Fundamental II

Descrição: Pesquisa de iniciação científica desenvolvida em escolas públicas estaduais de Diadema-SP.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . Integrantes: Marilena Aparecida de Souza Rosalen - Coordenador / Everton Viesba - Integrante / Clemil Camelo - Integrante. Financiador(es): CNPq - Bolsa.
Membro: Marilena Aparecida de Souza Rosalen.

2018-Atual. Formacao Profissional de Professores e Gestao Democratica: uma parceria universidade-escola para a melhoria do ensino publico

Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (3) . Integrantes: Leonardo André Testoni - Integrante / Abib - Coordenador / Sérgio Stocco - Integrante / Flaminio de Oliveira Rangel - Integrante / Maria Nizete de Azevedo - Integrante / Patricia Linardi - Integrante / Beatriz de Castro - Integrante. Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
Membro: Leonardo Andre Testoni.

2018-Atual. Generalizacao de Padroes

Descrição: A proposta deste projeto de pesquisa se situa em investigar e discutir as possíveis contribuições do tem ?Generalização de Padrões? na escolaridade básica. Na parte metodológica, o projeto visa situar o estado da arte (elaborar o levantamento e sínteses de pesquisas sobre este tópico), na investigação documental sobre o material de apoio ao trabalho dos professores (guias curriculares, manuais escolares e paradidáticos, provas de avaliação em nível municipal, estadual e nacional) e na exploração experimental, que possibilite investigar quais os conhecimentos que os alunos têm (investigação diagnóstica) ou podem vir a ter (por meio de situações didáticas) no entorno da interação professor-aluno-saber em sala de aula.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (2) . Integrantes: Wagner Marcelo Pommer - Coordenador / POMMER, Clarice Peres Carvalho Retroz - Integrante.
Membro: Wagner Marcelo Pommer.

2018-Atual. Politica Educacional na rede estadual paulista (1995-2018)

Descrição: Este projeto de pesquisa foi elaborado por pesquisadores da Rede Escola Pública e Universidade que, desde 2016, vêm estudando as políticas educacionais na rede estadual paulista. A temática que o circunscreve é a análise longitudinal da política educacional paulista, de forma a abranger os últimos 23 anos (1995-2018), em termos de formulação, implementação e resultados, expressas nas reformas, programas e projetos, considerando um espectro que engloba da implantação às formas de resistência. Assim, o objetivo da pesquisa é analisar a política educacional do estado de São Paulo no período indicado, com base nos elementos que perpassam o conjunto de ações da Secretaria de Estado da Educação paulista, visando apreender suas orientações, avanços e formas de resistências. Consideramos que a apreensão das políticas públicas e da forma como elas são concebidas, formuladas e executadas exige um entendimento sobre o modo de operar do Estado, à medida que a concepção de Estado orienta a análise dos formatos da ação estatal e o seu nível de intervenção na sociedade. Os procedimentos metodológicos envolvem a realização de pesquisa quali-quantitativa, posto que visam abarcar análises estatística e documental e pesquisa de campo. Os dados serão coletados e examinados com base nos pressupostos da análise de políticas públicas que consideram as relações de determinada política ou programa com os arranjos sociais, econômicos e políticos mais gerais (LASSWELL, 1951), adotando-se a perspectiva da Teoria do Equilíbrio Pontuado de Baumgartner e Jones (1993), que propicia uma forte integração entre estudos qualitativos e quantitativos, adequada à compreensão das variações de longo prazo em um mesmo campo de políticas públicas, enfoque metodológico.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) . Integrantes: José Alves da Silva - Integrante / Wanda Maria Junqueira de Aguiar - Integrante / Carmen Fernandez - Integrante / Célio Adrega de Moura Júnior - Integrante / Ana Paula Corti - Integrante / Sérgio Stoco - Integrante / Débora Cristina Goulart - Integrante / Márcia Aparecida Jacomini - Coordenador / Salomão Ximenes - Integrante / Eduardo Girotto - Integrante / Fernando Cássio - Integrante / Carla Biancha Angelucci - Integrante / Silvrio Ricardo Gomes Carneiro - Integrante / Ana Paula Santiago do Nascimento - Integrante / Andreza Barboza - Integrante / Beatriz Fortunato da Silva - Integrante / Beatriz Garcia Sanchez - Integrante / Carmen Sylvia Vidigal Moraes - Integrante / Cileda dos Santos Perrela - Integrante / Eliane da Costa Bruini - Integrante / Evaldo Piolli - Integrante / Felipe William Ferreira de Alencar - Integrante / Flavia Vitor Longo dos Santos - Integrante / Isabel furlan Jorge - Integrante / Isabel mellero Bello - Integrante / João Victor pRavezi de Oliveira - Integrante / Leonardo Crochik - Integrante / Marieta Gouveia de Oliveira Penna - Integrante / Marina Avelar - Integrante / Regina Mieyeko Oshiro - Integrante / Rodrigo Travitzki Teixeira de Oliveira - Integrante / Rosemary Mattos - Integrante / Rubens Barbosa de Camargo - Integrante / Rubia de Araujo Ramos - Integrante. Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Outra.
Membro: Jose Alves da Silva.

2018-Atual. Problematicas e Potencialidades do trato da Educacao Ambiental na formacao de professores de Ciencias

Descrição: Formação de professores para o trato da Educação Ambiental na Educação Básica.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) . Integrantes: Marilena Aparecida de Souza Rosalen - Coordenador / Everton Viesba - Integrante / Letícia Moreira Viesba - Integrante / Clemil Camelo - Integrante.
Membro: Marilena Aparecida de Souza Rosalen.

2018-Atual. Programa Biota-Fapesp

Descrição: O programa Biota-Fapesp, considerado um dos maiores programas de pesquisa relacionados à conservação da biodiversidade no Brasil, têm gerado um banco de dados extenso, que subsidia ações relacionadas ao manejo e conservação de áreas específicas do estado. Ações direcionadas ao uso e divulgação dos dados gerados pelo programa Biota em escolas de educação básica pode se constituir uma alternativa para que os resultados do projeto alcancem não apenas as áreas de conservação, mas também as pessoas que nelas vivem, e muitas outras. Este projeto de pesquisa tem como proposta a utilização do banco de dados do programa Biota como base para confecção de material didático destinado à discussão da biodiversidade e sua conservação, explorando possibilidades de inserção curricular na educação básica, tendo como ensejo as novas demandas educativas promotoras de um futuro sustentável. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (30) / Doutorado: (2) . Integrantes: Thaís Cyrino de Mello Forato - Integrante / Nélio Vicenzo Bizzo - Coordenador / Helio Bonini Viana - Integrante / Simone A. A. Martorano - Integrante / Paulo Sano - Integrante / Fernanda Franzolin - Integrante / Ana Maria Santos Gouw - Integrante.
Membro: Thais Cyrino de Mello Forato.
Descrição: O programa Biota-Fapesp, considerado um dos maiores programas de pesquisa relacionados à conservação da biodiversidade no Brasil, têm gerado um banco de dados extenso, que subsidia ações relacionadas ao manejo e conservação de áreas específicas do estado. Ações direcionadas ao uso e divulgação dos dados gerados pelo programa Biota em escolas de educação básica pode se constituir uma alternativa para que os resultados do projeto alcancem não apenas as áreas de conservação, mas também as pessoas que nelas vivem, e muitas outras. Este projeto de pesquisa tem como proposta a utilização do banco de dados do programa Biota como base para confecção de material didático destinado à discussão da biodiversidade e sua conservação, explorando possibilidades de inserção curricular na educação básica, tendo como ensejo as novas demandas educativas promotoras de um futuro sustentável.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (30) / Doutorado: (2) . Integrantes: Simone Alves de Assis Martorano - Integrante / Thais Cyrino de Mello Forato - Integrante / Ana Maria Santos Gouw - Integrante / NELIO MARCO VICENZO BIZZO - Coordenador / HELIO ELAEL BONINI VIANA - Integrante / Paulo Takeo Sano - Integrante / Fernanda Franzolin - Integrante / LEANDRO CAMPI PREARO - Integrante / Maria Elice Brzezinski Prestes - Integrante / Paulo Henrique Nico Monteiro - Integrante / Paulo Sérgio Garcia - Integrante. Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Cooperação.
Membro: Simone Alves de Assis Martorano.
Descrição: Projeto temático financiado pela FAPESP que congrega cinco instituições (USP, UFABC, UNIFESP, USCS e Instituto Butantan), irá estudar o banco de dados do Projeto Biota/FAPESP visando oferecer possibilidade de produção de materiais curriculares e extra-curriculares para a educação básica.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (30) / Doutorado: (8) . Integrantes: Nelio Marco Vincenzo Bizzo - Coordenador / Paulo Sérgio Garcia - Integrante / Fernanda Franzolin - Integrante / Paulo Henrique Nico Monteiro - Integrante / Ana Maria dos Santos-Gouw - Integrante / Paulo Takeo Sano - Integrante / Leandro Campi Prearo - Integrante / Simone Alves de Assis Martorano - Integrante / Thaïs Cyrino de Mello Forato - Integrante / Helio Elael Bonini Viana - Integrante. Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
Membro: Nelio Marco Vincenzo Bizzo.
Descrição: Projeto Temático FAPESP, que tem com proposta a utilização do banco de dados do programa Biota como material didático destinado à discussão da biodiversidade e sua conservação, explorando possibilidades de inserção curricular na educação básica, tendo como ensejo as novas demandas a serem geradas pela implementação da Base Nacional Curricular Comum, preconizada pelo novo cenário normativo educacional brasileiro.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Integrantes: Ana Maria Santos Gouw - Integrante / Fernanda Franzolin - Integrante / Nelio Marco Vincenzo Bizzo - Coordenador / Paulo Henrique Nico Monteiro - Integrante / Paulo Takeo Sano - Integrante / Paulo Sergio Garcia - Integrante / Helio Elael Bonini Viana - Integrante / Simone Alves de Assis Martorano - Integrante / Thais Cyrino de Mello Forato - Integrante.
Membro: Ana Maria Santos Gouw.

2018-Atual. Polo Sao Paulo - INEO

Descrição: Integrante na qualidade de pesquisadora do Pólo Nacional do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia de Eletrônica Orgânica. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Integrantes: Lucinéia Ferreira Ceridório - Coordenador / Luciano Caseli - Integrante / Laura Oliveira Peres Philadelphi - Integrante / Tereza da Silva Martins - Integrante / Fernanda F Camilo - Integrante / Roberto Mendonça Faria - Integrante.
Membro: Lucineia Ferreira Ceridorio.

2017

2017-Atual. A Universidade vai a Escola: fortalecimento das acoes de Educacao Alimentar e Nutricional

Descrição: Chamada CNPq/MCTIC Nº 016/2016 - SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL NO ÂMBITO DA UNASUL. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (14) . Integrantes: Flaminio de Oliveira Rangel - Integrante / Classius Ferreira da Silva - Coordenador / Anna Cecília Venturini - Integrante / Cristiana Maria Pedroso Yoshida - Integrante / Fabiana Perrechil Bonsanto - Integrante / Patrícia Santos Lopes - Integrante / Rogério Scabim Morano - Integrante / Patrícia Sinnecker - Integrante / Matheus Boeira Braga - Integrante / Katia Ribeiro - Integrante. Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
Membro: Flaminio de Oliveira Rangel.

2017-2019. Banca da Ciencia na Escola

Descrição: ?Banca da Ciência na Escola? é um projeto de investigação de ações de difusão da ciência para o público escolar da primeira infância e da pré-adolescência. Tem como característica a abordagem lúdica de temas científicos em conexão com questões sociais e manifestações artístico-culturais por meio de intervenções não-formais em ambiente escolar. Com a supervisão de professores das escolas parceiras e planejamento conjunto, entre eles e estudantes de pós-graduação, as intervenções são executadas por equipes de alunos de graduação em licenciatura em ciências, pedagogia e outras áreas pertinentes a essa modalidade de trabalho. A pesquisa tem como objetivos principais a investigação sobre o processo de formulação das intervenções lúdico-didáticas e sua repercussão no engajamento das crianças e pré-adolecentes frente a temas sociocientíficos, além de produzir conhecimento sobre seus efeitos no ambiente escolar e na formação e aperfeiçoamento profissional dos educadores. Como desdobramento, propõe a avaliação e a caracterização da interação universidade-escola, em relação a contribuições no aperfeiçoamento da educação pública. As intervenções envolvem manifestações artístico-culturais como filmes, livros, quadrinhos, jogos, música, encenações, experimentos e montagens simples, entre outros. As ações preveem a continuidade de iniciativas já em andamento: JOANINHA, voltada para crianças da primeira infância (até 6 anos de idade) e ALICE, voltada para os pré-adolecentes (10 a 14 anos) e principalmente uma investigação estruturada sobre seus desenvolvimentos. Essas ações configuram-se como projetos escolares de ciências, versando sobre o futuro da humanidade, desdobrado em três temas: meio ambiente, exploração do espaço e robôs e inteligência artificial. O projeto é uma proposta conjunta de pesquisadores da Universidade de São Paulo e da Universidade Federal de São Paulo, Instituto Federal de São Paulo e Universidade de Ottawa (Canadá). Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (80) / Mestrado acadêmico: (6) / Doutorado: (6) . Integrantes: Rui Manoel de Bastos Vieira - Integrante / Emerson Izidoro dos Santos - Integrante / Luís Paulo de Carvalho Piassi - Coordenador / Celi Rodrigues Chaves Dominguez - Integrante / Emerson Ferreira Gomes - Integrante / Adriana Regina Braga - Integrante / Érika Dias Soares - Integrante / Amanda Carolina Hora da Silva - Integrante / Giuliano Pagy Felipe dos Reis - Integrante / Katia Cristina Barbosa Real - Integrante / Thiago Alves de Lima - Integrante. Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
Membro: Rui Manoel de Bastos Vieira.

2017-Atual. Cultura material escolar e historia do ensino de Ciencias Naturais em Sao Paulo: uma abordagem transdisciplinar

Descrição: Este projeto consiste em uma investigação histórica acerca do ensino de Ciências Naturais em São Paulo, entre os anos 1880 e 1971. No âmbito da formação de professores de ciências para a educação básica, a pesquisa e o estudo da história do ensino de ciências ainda é incipiente. Daí a necessidade de sistematizar conhecimentos sobre o tema e avançar na compreensão de um objeto pouco abordado na história da educação brasileira. Analisando a documentação da Escola Normal de São Paulo e do Ginásio da Capital, interessa pensar, de um lado, o investimento do governo paulista nos materiais para o ensino de Ciências Naturais; e, de outro, os usos e as práticas pedagógicas desenvolvidas no interior da escola, a partir de tais materiais. Para tanto, além dos próprios objetos, serão analisadas fontes como inventários de bens das escolas investigadas; notas de compra; despacho aduaneiro de navios comprovando a importação do material; ofícios e correspondências de solicitação de tais materiais, manuais de ensino, catálogos e anúncios de fabricantes de material escolar, dentre outras. O procedimento metodológico consiste em confrontar os diferentes tipos de fontes destacando quais objetos foram adquiridos, os processos comerciais e administrativos pelos quais chegaram até a escola. Interessam, também, as práticas pedagógicas, as propostas dos manuais de ensino, as marcas de usos nos objetos que ainda sobrevivem nos acervos, os indícios de apropriação. Por fim, a contribuição da pesquisa é compreender como se foi configurando o ensino e a aprendizagem desta área de conhecimento entre nós, no período delimitado, bem como a construção de uma cultura escolar no que tange ao ensino de Ciências Naturais, em São Paulo.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (4) . Integrantes: Reginaldo Alberto Meloni - Coordenador / Wiara Rosa Rios Alcântara - Integrante. Financiador(es): (FAPESP) Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
Membro: Reginaldo Alberto Meloni.

2017-Atual. Estetica e simetria no ensino de mecanica: o caso das leis de Newton

Descrição: O projeto, sem financiamento, investiga as possibilidades de ensino das leis de Newton em nível de graduação, tendo-se como foco a questão da estética e da simetria.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . Integrantes: José Alves da Silva - Coordenador / Flaviston Ferreira Pires - Integrante. Número de produções C, T A: 2 / Número de orientações: 2
Membro: Jose Alves da Silva.

2017-Atual. Formacao profissional de professores e gestao democratica: uma parceria universidade-escola para a melhoria do ensino publico

Descrição: O projeto situa-se no campo da pesquisa sobre formação inicial e desenvolvimento profissional de professores, mais precisamente na interface universidade-escola, em que ambas as instituições se inter-relacionam em busca da melhoria da qualidade do ensino. Está circunscrito à linha do ?Programa de Melhoria do Ensino Público?, com financiamento da FAPESP. Seus propósitos articulam investigações que privilegiam o estabelecimento de uma parceria colaborativa universidade e escola, cujas ações estão organizadas na perspectiva de uma pesquisa-ação crítica e colaborativa para fins de melhoria do ensino. Reúne pesquisadores de duas universidades, a UNIFESP (curso Ciências Licenciatura, campus Diadema) e USP (Licenciatura em Física, Biologia e Matemática, campus São Paulo). A escola parceira é da rede estadual de ensino e situa-se em Diadema, nas imediações do campus da UNIFESP. As investigações propostas foram estruturadas em cinco eixos: 1. Sobre a formação continuada e desenvolvimento profissional docente mediante o movimento crítico reflexivo imanente à pesquisa-ação; 2. Formação inicial de professores por meio do estágio curricular supervisionado realizado na escola parceira; 3. Organização do ensino de ciências e de matemática; 4. Atuação da equipe gestora na construção da gestão democrática e participativa, além de se configurar como elo mediador entre a universidade e a parceria colaborativa (pesquisa-ação) em construção na escola; 5. Empreender esforços para o estabelecimento de parceria entre a Universidade de São Paulo e uma escola da rede pública (situada preferencialmente nas imediações do Campus). Entre os resultados esperados, destacamos contribuições nas diferentes esferas: teórico e metodológico no que diz respeito à compreensão do processo de pesquisa-ação; desenvolvimento profissional dos professores participantes; melhoria do ensino; caráter organizacional e de gestão da escola; melhoria do desenvolvimento dos estágios e reformulações dos Cursos de Licenciatura. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (1) . Integrantes: Reginaldo Alberto Meloni - Integrante / Flamínio de Oliveira Rangel - Integrante / Patrícia Rosana Linardi - Integrante / Sérgio Stoco - Integrante / Maria Lucia Vital dos Santos Abib - Coordenador / Denilson Soares Cordeiro - Integrante / Leonardo André Testoni - Integrante / Maira Batistoni e Silva - Integrante / Raquel Milani - Integrante / Maria Nizete de Azevedo - Integrante / Beatriz Aparecida Caproglio de Castro - Integrante. Financiador(es): (FAPESP) Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
Membro: Reginaldo Alberto Meloni.

2017-Atual. O ensino de biologia do corpo humano: perspectivas no sistema educacional brasileiro e propostas de praticas didaticas inovadoras

Descrição: Compreender a panorama nacional e letramento científico da população brasileira em temas relacionados à biologia do corpo humano e saúde. Com base nas características dos aprendizes brasileiros, nosso projeto visa elaborar e analisar estratégias didáticas que possam aumentar o engajamento dos alunos e promover aprendizagem. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) . Integrantes: Camilo de Lellis Santos - Coordenador.
Membro: Camilo de Lellis Santos.

2017-Atual. O papel do ledor do candidato com deficiencia visual em provas de concursos e vestibulares

Descrição: Desde o ano 2000 já existem leis que garantem o direito das pessoas com deficiência a terem atendimento prioritário em diversos serviços. Em 2004, o Decreto nº 5.296/2004 regulamentou a legislação anterior, especificando os atendimentos aos quais pessoas com deficiência têm direito em várias situações, dentre elas a realização de provas de vestibulares. Diante disso, as instituições de ensino superior estão buscando se aperfeiçoar na tarefa de atender a este direito. Um dos meios que tem sido utilizado envolve a participação de uma pessoa, denominada de ledor, para ler as provas para o candidato. No entanto, pouco se sabe sobre a interferência que este ator exerce sobre a realização da prova do candidato. Diante disso, esta pesquisa buscará compreender de maneira mais aprofundada características desta interação, bem como pensar em modos de aprimorar este processo. Para tanto, foi firmada uma parceria entre a Unifesp - Campus Diadema, a Unesp - Campus de Rio Claro e a VUNESP, fundação que realiza provas de concursos e vestibulares em todos o Brasil, inclusive os vestibulares de toda a Unesp e de alguns cursos da Unifesp. O intuito desta parceria é que as universidades participantes contribuam com a experiência de seus pesquisadores e grupos de pesquisa dentro da temática da inclusão de pessoas com deficiência, enquanto a VUNESP contribuirá com sua experiência na realização de provas adaptadas para concurso e vestibulares, bem como dando acesso a estes dados para que os pesquisadores, em conjunto com a VUNESP, possam realizar a pesquisa aqui proposta.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Integrantes: Renato Marcone José de Souza - Coordenador / Miriam Godoy Penteado - Integrante / Ole Skovsmose - Integrante.
Membro: Renato Marcone Jose de Souza.

2017-Atual. Resolucao de Problemas na Atividade Matematica de Professores e Alunos da Educacao Basica

Descrição: Este projeto tem como finalidade promover a melhoria do processo de ensino e de aprendizagem em Matemática, a partir da resolução de problemas, dentro e fora da sala de aula. Uma componente relevante e que merece atenção nessa temática está relacionada com a necessidade de se analisar e compreender a forma como os alunos pensam e raciocinam, bem como as ideias que constroem perante aquilo que lhes é proposto. Por isso, pretende-se que este estudo de investigação se foque na resolução dos problemas dos alunos, nomeadamente nas estratégias utilizadas, nas representações e expressão do pensamento matemático nessas resoluções e, na sequência, no contributo do feedback dado aos alunos, relativo a essas resoluções, para a melhoria da aprendizagem da Matemática. Para melhor compreender e aprofundar estes princípios e de forma a conseguir-se focar os pontos importantes do estudo e a identificar os conceitos fundamentais para a elaboração do quadro teórico, define-se os seguintes objetivos: Identificar e analisar as estratégias usadas e as ideias construídas pelos alunos, na resolução de problemas; Compreender como os alunos exploram os problemas propostos; Analisar o contributo do feedback dado aos alunos, relativo à sua resolução, para o desenvolvimento da sua capacidade de resolução de problemas e, em sequência, para uma melhor compreensão das ideias matemáticas; Analisar o contributo da resolução de problemas, dentro e fora da sala de aula, na compreensão dos conceitos matemáticos.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado profissional: (1) . Integrantes: Ana Paula Jahn - Coordenador / Maria Cristina Bonomi - Integrante / Alexandra Pinheiro - Integrante.
Membro: Ana Paula Jahn.